Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Sexta-feira, 24 Setembro, 2021

Role para cima

Top

Sem comentários

O mercado Ibérico de ar condicionado cresceu 50% desde 2013

O mercado Ibérico de ar condicionado cresceu 50% desde 2013

O dinamismo dos últimos anos no setor do ar condicionado originou um crescimento no mercado ibérico nos últimos cinco anos.

 

A procura por aparelhos de ar condicionado em Espanha e Portugal mostra desde 2014 um comportamento muito dinâmico, tendo sido acumulado nos últimos quatro anos um aumento de vendas próximas  dos 50%, embora ainda permanecem longe dos valores alcançados no período de 2005 a 2007. segundo dados de um estudo realizado pela Informa.

Neste contexto, o valor de mercado ibérico situou-se em 1.230 milhões de euros em 2017, um aumento de 11,3% em relação ao ano anterior. A vendas em Espanha ascenderam a 1.065 milhões de euros, que representaram 87% do total, correspondendo o mercado Português a 165 milhões. O mercado espanhol cresceram 10,9%, enquanto o aumento do volume de negócios em Portugal foi de 13,8%.

As importações do setor aumentaram significativamente em Espanha (+ 7,4%) e, especialmente em Portugal (+ 25,5%). Por sua vez, a China e a Tailândia são os principais países de origem das importações espanholas.

O principal fornecedor  estrangeiro do mercado português é a Espanha, com a China e a Tailândia a ocuparem também posições de destaque. As exportações espanholas também aumentaram em 2017 (+ 4,7%), enquanto as exportações portuguesas apresentou variação negativa de 4,8%.

Cerca de 75 empresas atuam no setor, número reduzido nos últimos anos como resultado do processo de concentração pelo qual o setor está passando. Cerca de 45 empresas estão ativas na Espanha e cerca de 30 em Portugal. A força de trabalho média por empresa atinge 62 trabalhadores em Espanha, enquanto em Portugal este indicador é reduzido para 13 empregados.

Os principais grupos multinacionais de climatização estão presentes no mercado ibérico, com vários deles com subsidiárias em Espanha e Portugal. Os primeiros cinco grupos representam cerca de 55% do total de vendas, uma percentagem que excede 70% quando se consideram as dez primeiras.

O aumento esperado do consumo final das famílias e a consolidação do crescimento da atividade de construção, tanto em Espanha como em Portugal, favorecerão o aumento das vendas de equipamentos de ar condicionado no curto prazo.

Fonte: Tecno Instalacion  – www.tecnoinstalacion.com/noticias/20180611/mercado-iberico-aire-acondicionado-crece-50-por-ciento-minimo-2013#.W6lLDC9OpQI

Envie um comentário