Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Sexta-feira, 24 Setembro, 2021

Role para cima

Top

Clubes de fidelização: uma moda muito versátil e lucrativa

Clubes de fidelização: uma moda muito versátil e lucrativa

Tal como uma peça de roupa, os clubes de fidelização, que ocupavam um espaço de honra nos armários das grandes redes de hotéis acabaram por ficar estagnados. Regressaram atualmente em força, e desta vez parece que com a intenção de ficar para sempre.

Embora houvesse a  impressão de que os clubes de fidelização só podiam ser atribuídos a poucos privilegiados que, devido à diversidade dos estabelecimentos ou ao grande volume de camas, tinham maior capacidade de gerar clientes recorrentes, agora a fidelização está na moda e tornou-se num produto para as massas, um produto que conseguiu reinventar-se para se adaptar a todos os tipos de silhuetas e perfis. De fato, hoje a sensação é de que, se  não tem um, não está na onda.

E é verdade que, bem combinados,  podem ser um recurso muito versátil e lucrativo. Captar novos clientes está em alta, a concorrência é acirrada e é essencial que eles se sintam especiais antes, durante e após a estadia.  Os programas de fidelidade podem cumprir essa tarefa.

O problema: existem muitos modelos

Paradoxalmente, o problema é que existem muitos modelos, e quem tem que tomam a decisão nem sempre conseguem escolher o que melhor se adapta às suas estratégias de fidelização e marketing. Escolha por imitação.

Por exemplo, faz pouco sentido para um hotel urbano independente criar um clube de fidelização no qual os privilégios sejam por acumulação de noites.

Clientes fidelizados gastam 23% mais que a média, desfrutam de estadias 30% mais longas e compram 10 vezes mais que os outros clientes. Os clubes de fidelização, por outro lado, permitem gerar disparidades positivas, aumentar a taxa de repetição, favorecer o crescimento anual e aumentar os lucros. Há muito em jogo.

Mas da mesma maneira que sempre defendemos que não é a implementação de toda a tecnologia disponível, mas a que melhor se adapta ao seu formato de marketing, a escolha correta do tipo de clube de fidelização está muito do seu sucesso. Na Paraty Tech, temos cinco modelos diferentes. Experimente o seu na frente do espelho antes de levá-lo para casa.

 

Autor:David Madrigal, Paraty Tech                                                                                                         David Madrigal é COO e Revenue Director da Paraty Hotels, uma empresa de serviços de tecnologia e marketing on-line especializada no setor de turismo e hotelaria. Desenvolveu toda a sua carreira profissional no setor de turismo, cobrindo diferentes posições em hotéis, contribuindo com uma visão global do setor tecnológico aplicado ao turismo.

http://www.paratytech.com

 

                         https://www.facebook.com/tecnohotelpt/