Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Quinta-feira, 6 Agosto, 2020

Role para cima

Top

RMS, uma ferramenta necessária para a gestão hoteleira

RMS, uma ferramenta necessária para a gestão hoteleira

A sigla RMS significa Revenue Management System, ou seja, uma ferramenta vital para a gestão diária de um revenue manager ou de qualquer pessoa responsável pelas vendas de produtos hoteleiros.

Foi a conclusão a que chegaram  que os palestrantes que se conheceram no último pequeno almoço do TecnoHotel. Para Antonio Núñez, diretor do hotel Santo Domingo, onde ocorreu a reunião, embora essas ferramentas possam ser caras, “são ao mesmo tempo, muito lucrativas. O investimento é grande, mas necessário”.

Hoteleiros como Juan Carlos Sanjuán e fornecedores como Boris Heister, da MasterYield, consideram um investimento muito  para pequenos hotéis, e consideram que  essa funcionalidade deve ser fornecida pelo PMS (Property Management System). Não todas as funcionalidade de um RMS poderoso, mas  apenas algumas básicas  e necessárias. “Para isso, é necessário selecionar uma pessoa qualificada para analisar os dados”, acrescentou Boris Heister.

Roberto Requena, diretor do Hotel Sercotel Princesa de Eboli, considero o RMS é como um Ferrari, mas, para guia-lo, é necessário de um bom piloto. 

É precisa estar no topo, supervisionar … leva tempo para aprender e, quando se aprende, mesmo assim erra-se, mas isso facilita muito a análise de dados ”, diz . “Ser capaz de analisar em duas horas os preços de 180 dias, não tem preço”, acrescentou. 

“Ganha-se muito tempo”, diz Sanjuán. “No começo, precisa estar em cima, alimentando a ferramenta através de machine learning. No principio erra-se mas os erros vão sendo cada vez menores com o tempo. A quantidade de dados que se consegue analisar, não é possível ser executada por um ser humano 

No entanto, na JC Hoteles, o Revenue Management é realizado sem nenhuma ferramenta de RMS. “Não obtém os melhores resultados”, respondeu Sanjuán a Adrián Suárez. “Analisam muitos dados: eventos, clima, competição … são muitos fatores. O Revenue Manager sem ferramentas apropriadas não consegue analisar e a ter uma visão de 45 dias de todos os hotéis da concorrência”.

 

Siga-nos no FaceBook – https://www.facebook.com/tecnohotelpt

 

Foto  Austin Distel no Unsplash