Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Segunda-feira, 25 Janeiro, 2021

Role para cima

Top

Como devemos usar a lixivia para maximizar a desinfeção?

Como devemos usar a lixivia para maximizar a desinfeção?

Embora a lixívia tenha estado connosco a vida toda, hoje mais do que nunca, tornou-se o melhor aliado para tentar acabar com o coronavírus. 

Atualmente, uma das maiores preocupações que temos ao limpar é saber se realmente eliminamos os vírus e bactérias que podem habitar o o hotel. A Organização Mundial da Saúde recomenda o uso de produtos de hipoclorito de sódio para desinfetar superfícies que são frequentemente tocadas em salas e áreas comuns para ajudar a impedir a propagação do coronavírus. 

No protocolo anti-COVID, a lixivia é sinónimo de limpeza e desinfeção, pois é capaz de destruir bactérias, fungos e vírus. Quando a lixivia entra em contacto com a sujidade, manchas, germes e odores, ocorrem reações químicas que quebram as moléculas da sujidade, eliminando os micro-organismos.

Portanto, este produto pode ser um dos melhores aliados na limpeza de um hotel contra o coronavírus: 

— Limpe e desinfete várias superfícies 

A lixívia pode ser usada como agente geral, não apenas para limpar, mas também para desinfetar completamente. É ideal para limpar as superfícies com as quais estamos em contacto constante, como maçanetas, torneiras, corrimões, etc. 

 

Desinfetar os WC 

Tanto na sanita, na bacia ou na banheira, que são locais húmidos, podem aparecer fungos e, por esse motivo, deve merecer especial atenção. Para evitar a aparência dessas áreas enegrecidas, basta aplicar um pouco de água sanitária (25 a 50 gr. de lixivia por litro de água) e deixá-la agir por alguns minutos. Depois secar bem com um pano.

Embora a lixívia tenha estado connosco a vida toda, hoje mais do que nunca, tornou-se o melhor aliado para tentar acabar com o coronavírus. Atualmente, uma das maiores preocupações que temos ao limpar é saber se realmente eliminamos os vírus e bactérias que podem habitar nosso hotel. A Organização Mundial da Saúde recomenda o uso de produtos de hipoclorito de sódio para desinfetar superfícies que são frequentemente tocadas em salas e áreas comuns para ajudar a impedir a propagação do coronavírus. O rotocolo anti-COVID, considera a lixivia sinónimo de limpeza e desinfeção, pois é capaz de destruir bactérias, fungos e vírus. Quando a lixivia entra em contacto com sujidade, manchas, germes e odores, ocorrem reações químicas que quebram as moléculas de sujidade, eliminando os micro-organismos. Portanto, este produto pode ser um dos seus melhores aliados na limpeza de um hotel. 

 

Eliminar mofo 

Como já mencionamos, a humidade favorece a aparência do mofo que pode limpar facilmente usando lixivia com detergente, mesmo em juntas de ladrilhos. 

 

Limpar e desinfetar eletrodomésticos 

O frigorifico ou o minibar também é uma área que pode acumular humidade e onde restos orgânicos podem permanecer, podendo gerar um grande número de germes. 

E não apenas nos quartos, mas nas cozinhas e também nas lavandarias do hotel. Por exemplo, a máquina de lavar, embora passe sua vida útil entre os detergentes, também deve ser periodicamente limpa com lixivia para obter maior eficiência de lavagem e impedir a acumulação de sujeira. Recomenda-se lavar a gaveta do detergente e o filtro com um pouco de lixivia e o tambor com um pouco de água quente e lixivia num ciclo de lavagem normal. 

Além disso, a lixivia é um ótimo desodorizante, elimina maus odores, pois, além de destruir germes, decompõe as substâncias que produzem os odores. Provavelmente, um dos benefícios mais conhecidos do lixivia é seu excelente poder de branqueamento e remoção de manchas nas roupas. Mesmo assim, é recomendável sempre verificar a etiqueta do tecido para saber se pode usar lixívia. 

 

Lave as frutas e legumes com água sanitária 

A OMS recomenda dissolver 2 ml. (1 colher de chá de café) de água sanitária num litro de água para desinfetar qualquer tipo de vegetais e frutas antes da ingestão. Além disso, este produto também é adequado para desinfeção de água potável. 

 

Recomendações: 

• Nunca misture lixivia com outros produtos químicos, amónia, ácidos ou álcool ou com qualquer outro produto de limpeza, pois pode libertar gases tóxicos. E embora o vinagre seja um produto natural, também não deve ser combinado 

• É recomendável evitar o contacto com superfícies de alumínio, móveis e tapetes. Em caso de dúvida, pode testar em uma área discreta da superfície a ser tratada. No caso de têxteis, leia o rótulo de cada peça e / ou tecido para saber se pode usar lixivia. 

• E, acima de tudo, não encha garrafas ou recipientes com lixivia (algo que acontece em muitas cozinhas), pois isso pode levar ao mau uso ou, pior ainda, à ingestão acidental. 

• Use a quantidade necessária de produto. Adicionar mais do que a quantidade certa não apenas garante mais poder de limpeza, como também pode resultar em desastre e, por outro lado, se você usar muito pouco, não aproveitará todo o poder desinfetante da lixivia. A Organização Mundial da Saúde recomenda uma concentração de 0,5%, o que corresponde à mistura de 130 ml. de água sanitária em 870 ml. de água.

• Finalmente, e para garantir que você não corra riscos, lembre-se de usar luvas para evitar irritações e ventilar a casa durante a limpeza. e deixá-lo agir por alguns minutos. Depois secar bem com um pano.