Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Sábado, 11 Julho, 2020

Role para cima

Top

Pode melhorar a experiência do hóspede num hotel contact-free?

Pode  melhorar a experiência do hóspede num hotel contact-free?

Os hotéis estão  a preparar-se para atender ao “novo normal”. Medidas de segurança e distanciamento social estão na ordem do dia, mas há alguma preocupação de que a experiência contactless ou contact-free possa ser impessoal e distante para os hóspedes.

No entanto, não precisa ser assim.

Os hoteleiros ainda podem oferecer uma experiência agradável ao hóspede, adotando novas práticas que satisfazem os hóspedes e os resultados finais da sua estadia.

Registo e comunicação digital com convidados

Os hóspedes reservam cada vez mais on-line. É hora de lançar novas ofertas e promoções atraentes, apostando em políticas flexíveis de cancelamento e modificação de reservas.

A partir daqui, os hotéis podem enviar comunicações antes da estadia, usando modelos simples e automatizados para tranquilizar o hóspede e transmitir informações úteis sobre as novas medidas operacionais e de segurança em vigor. Além disso, é hora de oferecer incentivos e outros produtos adicionais. Numa crise como a atual, devemos aproveitar ao máximo as vendas adicionais e as vendas cruzadas. 

Além disso, através dessa comunicação direta, podemos ajustar os horários de chegada para evitar a concentração de muitas pessoas na receção. E se apostarmos no check-in online, até impedimos que o hóspede passe pela receção. 

F&B: pedidos digitais 

Durante a estadia, as opções de comida e bebida oferecidas pelo hotel devem estar disponíveis online. Os pedidos também devem poder ser entregues no seu quarto. Outra opção é que é a hóspede ir à receção buscá-la ou até terceirizar essa entrega para outra empresa de distribuição. 

Dessa forma, poderemos manter distância, continuar usando o restaurante com menos mesas, mas não perder essa receita em troca de aumentar o consumo no quarto. 

Pagamentos e check-out 

Os hotéis podem manter contacto com seus clientes durante a estadia por SMS, email ou WhatsApp. Graças a essas ferramentas, terá à sua disposição todas as informações do hotel: plantas dos hotel, diretrizes de limpeza e novas opções de lazer e alimentos e bebidas. Além disso, os clientes podem rever as suas contas on-line e pagar virtualmente para evitar o contacto com pessoas na receção.

Em resumo, esse tipo de iniciativa não representa uma despesa significativa para o hoteleiro, permite o cumprimento das medidas de distanciamento social impostas e, ao mesmo tempo, aumenta ou, pelo menos, mantém a receita sem prejudicar a experiência do cliente. 

Da mesma forma, o mercado está cheio de soluções que reduzem os pontos de contacto físico entre hóspedes e funcionários e, ao mesmo tempo, aumentam o engajamento por meio de media digital. Essa estratégia ajuda-nos a aumentar a confiança e proteger a rentabilidade antes, durante e após a sua estadia.