Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Terça-feira, 26 Outubro, 2021

Role para cima

Top

AHRESP discorda de discrepâncias de horários na AML

AHRESP discorda de discrepâncias de horários na AML

Na sequência da Resolução do Conselho de Ministros n.º 63-A/2020, de 14 de agosto e do apelo da AHRESP, endereçado a todas as autarquias da Área Metropolitana de Lisboa (AML) para alargarem os horários dos cafés e similares no sentido de acompanharem o regime definido para os restaurantes (a partir das 00:00h o acesso ao público fica excluído para novas admissões e encerram à 01:00h), várias foram as que já se pronunciaram quanto à matéria:

·         A Câmara Municipal de Mafra permite o funcionamento dos cafés e similares até às 00h00;

·         A Câmara Municipal de Cascais decidiu restabelecer os horários vigentes antes da pandemia com a limitação definida para os restaurantes;

·         As Câmaras Municipais de Palmela, Almada, Barreiro, Alcochete, Sesimbra e Seixal permitem o funcionamento até às 22h00;

·         A Câmara Municipal de Lisboa decidiu aplicar os horários vigentes antes da pandemia, incluindo os localizados em centros comerciais, com exceção dos cafés e similares que apenas podem funcionar até às 21 horas;

·         As Câmaras Municipais de Odivelas e da Amadora deliberaram pela manutenção das 20h00 como hora de encerramento;

·         As Câmaras Municipais de Sintra, Oeiras, Loures, Vila Franca de Xira e Montijo ainda não divulgaram qualquer decisão.

 

A AHRESP discorda vivamente da existência destas discrepâncias horárias que em nada beneficiam e ajudam o funcionamento dos estabelecimentos que, encontrando-se limitados no exercício da sua atividade, cumprindo com todas as regras e orientações para evitar a contaminação e propagação da COVID-19, continuam a ser altamente prejudicados e insiste na necessidade dos horários dos cafés e similares acompanharem o regime definido para os restaurantes.

AHRESP lança Marketplace para compras com recurso a crédito – Entrou hoje em funcionamento a plataforma Mercado Global Online AHRESP. Esta plataforma permite acesso a crédito em condições financeiras únicas para a aquisição de matérias-primas alimentares e não alimentares, bem como de serviços especializados. Em poucas horas verificou-se uma extraordinária adesão e largas dezenas de empresas apresentaram a sua candidatura para beneficiarem do funcionamento e condições colocadas à disposição pela plataforma AHRESP.

 E ainda

INFORMAÇÕES E ESCLARECIMENTOS

o   Aumento de desempregados nos Setores do Alojamento e da Restauração

o   Governo concede 12 meses para restituição do nível de emprego alcançado por via de apoios

o   Requerimento para apoio a sócios-gerentes já disponível

o   Airbnb proíbe festas em alojamentos

 

Documento completo em anexo.                                                                                                                                                                                                                                      Todos os Boletins Diários AHRESP disponíveis aqui: https://ahresp.com/homepage-2/coronavirus/boletim-diario-ahresp/

O Boletim Diário de hoje e respetivos links e documentos:
https://ahresp.com/2020/08/boletim-ahresp-covid-21-agosto/

Tags