Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Terça-feira, 13 Abril, 2021

Role para cima

Top

1905 Zino’s Palace convida a Regressar à Vida

1905 Zino’s Palace convida a Regressar à Vida

Situado na Ponta do Sol, a cerca de 22 kms do Funchal, o 1905 Zino’s Palace é um dos poucos palacetes de estilo romântico existentes na Madeira, sendo por isso um importante exemplar do património arquitetónico do arquipélago.

 

Composto por 9 quartos, restaurante, piscina exterior, bar e um pátio grande com zonas de esplanada, o imóvel permite desfrutar de uma experiência intimista e elegante.

Para a nova temporada de estadias, o 1905 Zino’s Palace apresenta a campanha ‘Regressar à Vida’, que prevê a oferta de uma noite. Consoante a data da reserva, os hóspedes poderão desfrutar de uma mecânica de 2=1 (reserva duas noites e o hotel oferece uma) ou 3=2 (reservam três noites e só pagam duas).

 

Assim, a campanha Regresso à Vida 2=1 está disponível até 30 de junho, para reservas diretas efetuadas até ao final do mês de abril.  Por sua vez, a opção 3=2 ocorre de 1 de julho até 31 de agosto e as reservas devem ser efetuadas até 30 de abril. A tarifa para as reservas é flexível e a campanha não é acumulável com outras em vigor. Prevê-se o regime Bed & Breakfast, com pequeno-almoço incluído.

 

Este é o convite perfeito para desfrutar de uma estadia diferente na Madeira, num ambiente exclusivo e idílico, longe de aglomerados populacionais. O romantismo de dormir num palacete do século XIX como convite para o desconfinamento.

Sobre a Amazing Evolution

A Amazing Evolution considerada pela Word Travel Awards como a melhor gestora de boutique hotéis da Europa e do mundo (2018, 2019, 2020), é hoje uma referência no mercado através da criação de valor em projetos turísticos (full service hospitality company). Atualmente, o seu portfólio é composto por uma grande diversidade de hotéis em Portugal continental e ilhas.

 

 

 

Clique no link para ler a edição digital:

https://www.tecnohotelnews.pt/revista/no11-janeiro-fevreiro-2021/