Equipamentos

3 chaves para tornar o consumo de energia sustentável

A procura por uma sustentabilidade adequada para o hotel passa por economizar os seus recursos. Temos de saber aproveitar o que temos, sem exagerar, para manter o equilíbrio, evitar o desperdício e cuidar do planeta. 

14-02-2022

3 chaves para tornar o consumo de energia sustentável

A procura por uma sustentabilidade adequada para o hotel passa por economizar os seus recursos. Temos de saber aproveitar o que temos, sem exagerar, para manter o equilíbrio, evitar o desperdício e cuidar do planeta. 

Uma excelente forma de o conseguir é controlar o consumo de energia através de três chaves tão simples quanto eficazes.

A Expense Reduction Analysts (ERA), uma consultora especializada em otimização de custos e gestão de fornecedores, criou diretrizes que são fáceis de assumir, mas importantes para implementar. Com eles, o setor hoteleiro pode ficar à frente das metas para 2030 e 2050 recomendadas pela ONU.

As chaves para o hotel sustentável do futuro

Recorde-se que as Nações Unidas (ONU) estimam que em 2050 haverá cerca de 9 mil milhões de habitantes no nosso planeta. Isto implica um aumento de mil milhões em comparação com os que estão neste momento.

Ou seja, a esperança de vida será mais longa e ocorrerão novos nascimentos, mas também teremos menos recursos disponíveis. É aí que entra a nossa capacidade de modificar o atual modelo de consumo e apostar em viagens conscientes do ambiente.

"A mudança no modelo energético é um dos maiores desafios que temos enfrentado nos últimos anos", alerta Fernando Vázquez, consultor e co-desenvolvedor de áreas na Expenditure Reduction Analysts. "É um problema que afeta a nossa capacidade de produzir desenvolvimento económico e bem-estar", disse.

Também acredita que ainda podemos inverter a situação gradualmente. A forma de atualizar o sector e fazê-lo continuar a entrar neste caminho passa pelos seguintes pontos:

1. Utilizar energias renováveis em vez de combustíveis fósseis

É hora de substituir os combustíveis fósseis. Apesar de ainda hoje serem a principal forma de energia, é conveniente deixar de lado os derivados do petróleo e do gás natural. Os seus usos são infinitos, mas certamente os hotéis podem encontrar outras formas muito mais renováveis.

A eletricidade ou o aquecimento do estabelecimento podem ter outra origem, que tira melhor partido dos recursos infinitos do planeta. Painéis solares, energias térmicas eólicas ou solares... A sua implementação permite-nos poupar energia e reduzir as emissões de CO2. Tudo vantagens.

2. Aumentar a capacidade de autoconsumo e armazenamento

Para se conseguir mudanças definitivas e úteis a longo prazo, há que encontrar medidas eficazes como esta. Ser capaz de mudar a forma como nos relacionamos com a energia é fundamental. E, através do armazenamento, os hotéis poderão continuar a atuar no seu melhor sem negligenciar a sustentabilidade.

Através de diferentes tipos de instalações (embora prevaleçam fotovoltaicas juntamente com outras tecnologias) pode ser produzida e acumulada energia suficiente para ser auto suficiente. Esta maior flexibilidade e fiabilidade da oferta permite que o consumo ocorra quando é necessário. Por sua vez, reduz o custo final da fatura anual de eletricidade, aquecimento ou ar condicionado.

3. Enfatizar a poupança de energia

Modificar a nossa mentalidade permite-nos modificar os nossos hábitos. Se estivermos cientes de que as poupanças serão benéficas para nós, podemos começar a procurar formas de a implementar. Temos de aplicar a máxima de não gastar mais do que o necessário e tirar partido daquilo que já temos para o consumo de energia.

Ou seja, é aconselhável não ter as luzes sempre acesas quando há luz natural suficiente ou não há turistas naquela zona. O mesmo pode ser aplicado ao ar condicionado ou ao aquecimento, sendo  preferível não os ter ativos na intensidade máxima.

Vamos usar o que precisamos para o consumo do hotel e o conforto dos hóspedes, mas sem exagerar. Pode parecer óbvio, mas é importante ter isso em mente. Porque, com estas três chaves para tornar o consumo de energia sustentável,  pode reduzir os custos `unidade hoteleira  e cuidar do planeta.


Notícias relacionadas

Revista digital

TecnoHotel nº19 mai/jun 2022

TecnoHotel nº19 mai/jun 2022

Newsletter

Seja o primeiro a receber todas as novidades na sua caixa de correio!

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.