Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

TecnoHotel | Sexta-feira, 18 Junho, 2021

Role para cima

Top

Casa dos Ecos está de regresso

Casa dos Ecos está de regresso

Reabertura do restaurante pop-up apresenta novidades, com momentos musicais nas vinhas, vendas e lançamentos exclusivos de vinhos  

 

A sopa de lavrador do Douro, o escabeche de peixe, o arroz de pato no tradicional fogão de lenha,os milhos e o cabrito são alguns dos pratos que estão de volta à mesa do restaurante pop-up Casados Ecos, confecionados pelas mãos do chef com estrela Michelin Pedro Lemos. Resultando da parceria com a família Symington, e depois de ter sido inaugurado no verão passado, o espaço situado na Quinta do Bomfim, no Pinhão, está de regresso para mais uma “temporada”, ficando aberto até ao final de outubro. Neste segundo ano de atividade, o restaurante pop-upapresenta novidades vínicas com o “Programa da Liberdade”.

À gastronomia tradicional portuguesa, confecionada com produtos locais, que é sempre casada com os vinhos DOC Douro e vinhos do Porto do portefólio da família Symington, juntam-se novas experiências. O “Programa da Liberdade” vai promover momentos como serões com música nas vinhas e a oportunidade de provar o recém-engarrafado Dow’s Porto Vintage Quinta do Bomfim 2019, produzido a partir de uvas da propriedade. O vinho estará ainda, durante um determinado período, em venda exclusiva na Quinta do Bomfim. Para os seus visitantes, o restaurante vai também disponibilizar para degustação a copo edições raras e limitadas de Portos Vintage da família, assim como de DOC Douro de colheitas antigas. O Casa dos Ecos vai ainda receber o lançamento de um novo Porto da marca Cockburn’s. Estas experiências serão anunciadas com mais detalhe em breve, na página de Instagram do espaço (@casadosecos).

“Estamos muito entusiasmados por reabrir, pelo segundo ano, o Casa dos Ecos com o talentoso Pedro Lemos. Foi muito bom ver tantas pessoas a visitar-nos no ano passado, neste lindíssimo local, no meio da nossa vinha. Este ano, ampliamos o terraço para que mais pessoas possam desfrutar de refeições no exterior com a magnífica vista das vinhas em redor da casa e do rio Douro”, explicou Johnny Symington, Chairman da Symington Family Estates.

Já Pedro Lemos comentou: “É para mim um prazer ser parte desta iniciativa de trazer ao Douro Vinhateiro esta experiência única, onde se fundem os pratos tradicionais harmonizados com os vinhos Symington, com a arrebatadora paisagem sobre o Douro, que a Quinta do Bomfim nos proporciona. Para este ano preparamos algumas novidades, mantendo, contudo, o espírito deste projeto que se iniciou em 2020.”

Recorde-se que em novembro do ano passado, e com apenas quatro meses de atividade, o espaço foi distinguido pelos Best Wine Tourism Awards como um dos melhores restaurantes das regiões vitivinícolas abrangidas pela cidade do Porto – Douro e Vinhos Verdes, recebendo o galardão “Best Wine Tourism Restaurants”. O Casa dos Ecos está aberto de terça-feira a sábado, das 12h30 às 20h30, e ao domingo, das 12h30 às 16h00. Recomenda-se a reserva antecipada de mesa, através do seguinte endereço www.casa-dos-ecos.com.

 

Sobre a Symington Family Estates

Os Symington, de ascendência escocesa, inglesa e portuguesa, são produtores de vinho do Porto no norte de Portugal, desde 1882. Há cinco gerações que conjugam a sua paixão de produzir vinhos, em especial vinhos do Porto, de elevada qualidade com o seu forte compromisso com a região e as suas pessoas. Hoje, dez membros da família Symington trabalham nas suas quatro famosas casas de vinho do Porto – Graham’s, Cockburn’s, Dow’s e Warre’s –, bem como nos seus projetos de vinhos do Douro: Quinta do Vesúvio, Quinta do Ataíde, Altano, Prats & Symington (Chryseia) e, o seu mais recente, Quinta da Fonte Souto, no Alto Alentejo. A Symington Family Estates é um dos principais produtores de Portos premium e a família é a principal proprietária de vinhas no Douro, com 26 quintas a perfazer 2.420 hectares, dos quais 1.114 de vinha. As vinhas são geridas sob princípios de sustentabilidade, sendo que 130 hectares têm certificação biológica – a maior área de vinha biológica no Douro. A família tem efetuado investimentos significativos em I&D na viticultura, para adaptação às alterações climáticas, e promove um ambicioso plano de sustentabilidade denominado ‘Missão 2025’, que integra um conjunto de metas. Em 2019, a empresa alcançou a certificação B Corporation, tornando-se na primeira empresa de vinhos em Portugal a dar este importante passo, juntando-se a uma comunidade global empresarial auditada segundo os mais elevados padrões de responsabilidade social e ambiental, com o compromisso de usar o negócio como uma força para o bem.

Sobre Pedro Lemos

Português determinado e destemido. Amante da terra, da cultura popular e das tradições. Pedro Lemos sempre gostou dos sabores e da cozinha.

Estudou Engenharia Civil, mas abdicou do curso para se dedicar a outras fórmulas. Aven-turou-se em várias cozinhas até descobrir, com firmeza, qual era a sua vocação: ser feliz e fazer os outros felizes através da comida. Como tal partiu numa busca incessante pelo seu sonho, onde redescobriu o gosto pelos produtos portugueses e sua história. Iniciou-se profissionalmente no Porto e a aventura continuou passando por outras experiências e regiões, tais como, Lisboa e Douro.

Pelo caminho, definiu-se como Chef apaixonado pela gastronomia e por Portugal, ganhou identidade e estilo, e desenvolveu o seu espírito empreendedor e vontade de ir mais além. Hoje no seu Restaurante Homónimo, aberto desde 2009, Pedro Lemos cozinha com paixão e criatividade, e contribui para fazer de Portugal um destino gastronómico de excelência. Em 2014, foi consagrado com a sua primeira estrela no prestigiado Guia Michelin.

Situado na foz do Douro, numa casa classificada como património arquitetónico, o restaurante está numa das mais belas e emblemáticas zonas históricas da cidade invicta. O edifício foi inaugurado em 1964 como bar, ao bom estilo inglês, e foi sempre um espaço de seleção das elites da época. Hoje, num ambiente elegante e moderno, o restaurante, para além da sala de jantar, conta com uma garrafeira onde podem ser servidas refeições para grupos, e um magnífico terraço para os dias mais quentes.

 

Mais informação:

www.pedrolemos.net

www.instagram.com/chefpedrolemos